O ano de 2017 foi finalizado com um grande marco para SIA.  Estreamos nosso primeiro treinamento no formato de imersão, Farm Coaching – edição Integração Lavoura e Pecuária.  Ele ocorreu de 05 a 08 de dezembro de 2017 em Porto Alegre. De forma inovadora, abordou desde o desenvolvimento  pessoal até temas técnicos. O Farm Coaching foi desenhado para empreendedores rurais e profissionais com atuação no agronegócio, visando o empoderamento de temáticas técnicas e estratégias de movimento (atitude e ação) para o desenvolvimento de seus projetos no âmbito da integração lavoura-pecuária.  Na  fase de imersão presencial em Porto Alegre,  os participantes, 21 pessoas, receberam dos coaches um treinamento intensivo composto de boxes que abordaram reflexões, dinâmicas e trabalhos práticos sobre suas responsabilidades e oportunidades enquanto atores que exercem influência direta na construção e condução de projetos sustentáveis para o planeta, desde a produção de alimentos, resiliência econômica, comunicação assertiva, relações humanas,  integridade ambiental, governança e gestão, até a inclusão social. 

Os sistemas integrados de produção agropecuária (integração lavoura-pecuária) foram o pano de fundo de natureza agro econômica para o desenvolvimento de virtudes e empoderamento pessoal. Ao final desta imersão os participantes traçaram, individualmente, um plano de ações para desenvolver as habilidades despertadas e trabalhadas nesta etapa, e este plano será acompanhado pela comissão organizadora até o Meeting de Experiências Compartilhadas, que será realizado seis (06) meses após esta imersão, em 13 de junho de 2018, das 09 às 12h no Park Hotel Morotin em Santa Maria-RS.

O treinamento foi um sucesso, tanto pelas formas inovadoras de tratar os temas técnicos e de abrangência pessoal, em sala de aula, como todo o programa “extra classe”, composto por happy hours, almoços e jantares, que de uma maneira descontraída,  continuaram a proporcionar a interação entre participantes e coaches.

Vários foram os pontos positivos elencados pelos participantes em sua avaliação do FARM COACHING, quanto a:

Imersão 

– Do cronograma, da programação, na riqueza e atualidade de informações, nos constantes feed backs, relacionando as situações que nos deparamos com atuação a campo, nas suas propriedades… A sintonia do grupo formado, e os conteúdos abordados;

– Parte da dinâmica do solo em  ILP;

– A interação com os coaches e as dinâmicas;

– Troca de informações entre os participantes;

– Do tema proposto, porém como uma nova abordagem;

– Foi passado uma ideia de produção e não uma ferramenta.

Coach Pessoal

– Mostrou a importância da comunicação entre o dono da terra, arrendatários, parceiros e colaboradores para o desenvolvimento de um sistema de Integração Lavoura Pecuária ( ILP ). Em propriedades onde são usados métodos ainda um pouco tradicional, o coaching pessoal é uma ferramenta indispensável;

– A sintonia de informações, sugestões de ações simples a serem retomadas, mas que quando deparados com a rotina diária acabamos esquecendo o básico funcional!;

– Gostei muito dos testes que foram propostos. Pude extrair várias informações que eu desconhecia de mim;

– Gestão do tempo .

Coach técnico

– Gostei muito do aproveitamento do tempo, principalmente da presença dos coaches em  tempo quase integral, inclusive nos happy hours;

–  Abordagem muito técnica, que naturalmente reforça os conceitos teóricos e mostra que o que estamos fazendo à campo é o caminho;

-Todos os temas foram importantes e bem abordados, e a equipe é fantástica.

Por que indicaria o Farm Coaching

– Atualização técnica, quebra de paradigmas, auto-conhecimento;

– Esta imersão quebra paradigmas através de uma forma inovadora, dinâmica e divertida de aprendizado e transferência de conhecimento;

– Amei! Recomendaria por ser uma experiência muito enriquecedora tanto a nível pessoal como técnico. Além de ser num ambiente super confortável, de uma maneira não cansativa e desafiadora. Fácil de colocar em prática e trazer para o nosso dia a dia. E num clima super alto astral com pessoas do bem, e parceiros de estrada que vou levar para a vida toda!;

– Para começar a entender a lógica da ILP e parar de fazer sucessão de culturas, sem planejamento, achando que se faz integração.